Exposição Ruin'Arte
26 Maio a 8 de Julho de 2012

 

P1180652 750x423

 

Esta exposição fotográfica, que, nas palavras do seu autor, «é o lado romântico que cada ruína transporta», procura lançar um olhar crítico, de clara denúncia, sobre alguns casos dramáticos de falta de cuidado com o nosso património edificado ao longo de várias gerações. De uma colecção que comporta cerca de duas mil imagens são apresentadas aquelas que, selecionadas pelo próprio Gastão Brito e Silva, de uma maneira ou de outra, se relacionam com o Concelho de Cascais.

Continuar...
 

Exposição (des)construção

7 de Julho a 30 de Setembro de 2012

 

Paulo Alexandre Rêgo xxl 750x250

 

Paulo Alexandre Rêgo é licenciado em Artes Plásticas – Pintura pela Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa. Pintor de metáforas e alegorias pictóricas, não têm sido poucos aqueles que invocam, nas suas obras, o despojamento figurativo, o abstraccionismo lírico, o sensismo ou sensualismo à Caudillac, o desconstrutivismo formal e material . Participante em exposições colectivas desde 1989 e a solo a partir de 1991, Paulo Rêgo tem trabalhos adquiridos por diversas instituições para colecções públicas e privadas. Sobre as obras que traz ao Centro Cultural de Cascais escreveu a Professora Cristina Azevedo Tavares: «Se à primeira vista podemos caracterizar as [...] pinturas como puristas, pela sua essencialidade ao apelo geométrico, também podemos acrescer uma multiplicidade de relações coerentes com a actualidade, redimensionando a pintura presente.»

Continuar...
 

Exposição V Prémio de Escultura

23 de Setembro a 1 de Novembro de 2005

 

xxl city 750x250

O Prémio City Desk, na quinta edição, voltou a ser organizado pela Fundação, cujo Conselho de Administração se congratulou com o exito da iniciativa, saudando a «consistência» da parceria que permitiu à instituição assumir, com total eficácia, a responsabilidade executiva do concurso, bem como a realização da exposição, iniciativa das mais revelantes no panorama das artes plásticas do nosso país.

Continuar...
 

Exposição Jornadas de um canário na mina de carvão

14 de Julho a 9 de Setembro de 2012

 

xxl exibição mário vitória 750x250

 

Mário Vitória, um jovem pintor que tem vindo a explorar com grande êxito estético a inesgotável vertente surrealista, a Fundação D. Luís I apresenta um poderosamente simbólico conjunto de pinturas e desenhos, aquelas de grandes dimensões, que foi propositadamente realizado para o espaço do Centro Cultural de Cascais.

Continuar...
 

Exposição Pigmentos

21 de Julho a 2 de Setembro de 2012

 

xxl Luísa Albino 750x250

 

Arquitecta residente em Cascais há muitos anos, Luísa Albino tem vindo a dedicar-se à pintura com grande dedicação e resultados muito animadores desde meados dos anos 90. Sobre o conjunto de peças que vai apresentar no Centro Cultural de Cascais, escreveu, com toda a propriedade, que «assentam num trabalho – normalmente de grandes dimensões – em que a intensidade dos pigmentos e a gestualidade, aliadas a certas texturas, têm um papel relevante» na composição e na organização do espaço da tela.

Continuar...
 


Pág. 9 de 54